Sustentabilidade não é coisa de hippie, é coisa de pessoa inteligente

O auge do movimento Hippie já se passou a alguns anos, e foram eles que deram maior voz aos movimentos de sustentabilidade e uma vida alternativa. Não que eles fossem os únicos preocupados ou atentos às questões, mas foi o movimento de maior expressão, que fez com que o conceito fosse conhecido por uma grande massa.

Porém, junto com toda a elucidação, os hippies também causaram algumas polêmicas para as pessoas que são contra ao estilo de vida que eles levam, e até os dias de hoje é comum você ver gente torcendo o nariz quando você propõe uma vida mais ecológica e integrada, e isto sempre vem acompanhado com a frase “Agora você virou Hippie?”.

Só para descontrair!

Nada contra os hippies, aliás, admiro o movimento e o acho inteligente, mas o fato é que realmente eu não posso me considerar parte dele, assim como muitas pessoas que se preocupam com sustentabilidade, consumo consciente, conexão com a natureza, também não estão enquadradas neste perfil, mas sim, são pessoas inteligentes!

Na minha ainda recém jornada de trabalho com turismo em Paraty, estou tendo a oportunidade de conhecer muitos estrangeiros, especialmente os europeus, e fica cada vez mais clara a distorção e falta de educação que temos no Brasil sobre o assunto. Enquanto aqui nossos pais e professores ficam preocupados quando você escolhe uma vida mais sustentável, o governo cria leis para dificultar o desenvolvimento do assunto, e o mercado de trabalho tenta te convencer que desenvolvimento é consumir mais e mais. Vejo que em outros lugares onde os recursos já são mais escassos e as pessoas já sentiram na pele o que é viver sem a abundância que temos no Brasil, assuntos como energia solar, permacultura, compostagem, orgânicos, consumo sustentável, são vistos com muita seriedade e entusiasmo.

Este texto não é para ser um insulto a sua inteligência, se sustentabilidade for um assunto que não te atenta, mas sim uma provação para uma nova perspectiva, um novo olhar sobre o nosso Mundo. Não precisamos nem sair da nossa rua, ou sequer da nossa casa, para sabermos como as chuvas estão vindo com força total, enquanto outros lugares sofrem pela seca extrema, como os rios estão poluídos, como os bichos estão morrendo por ingestão de plástico, como o número de pessoas com câncer e alergias vêm crescendo por causa dos químicos que usamos nos produtos, como estamos cada vez mais estressados e desconectados com a nossa essência.

E aí minha gente?

Desde que estou nesta busca por uma vida mais sustentável, não passei a viver em lugares sujos, dividindo cama com os bichos, comendo mato, e andando pelada por aí, que é o que está neste imaginário do sustentável hippie que criamos no Brasil (e não, ser hippie também não é isso). Pelo contrário, minhas coisas são mais organizadas, minha saúde melhorou, meu paladar apurou, meu humor aumentou, meu entendimento sobre a nossa Terra vem crescendo, e hoje sei lidar muito mais com meus altos e baixos por que estou descobrindo como funcionam os ciclos da vida.

Olha a carinha de quem está toda feliz com a vida natural

A sustentabilidade passou de ser um conceito de como não produzir lixo e não acabar com a nossa raça na Terra, já que nossa planeta elimina aquilo que faz mal para entrar em equilíbrio e continuar vivendo, passou a ser uma questão de conhecimento pessoal, espiritualidade, viver em harmonia com o próximo, saber usar os recursos com inteligência, ter uma vida construtiva e coletiva.

Não precisamos e não devemos esperar todos os recursos acabarem para começarmos as mudanças. Te prometo que o assunto pode parecer chato, entediante e que você tem coisas mais importantes para se preocupar, mas quanto mais você entende sobre como cuidar do Mundo, mais você entende sobre você, mais recursos você descobre, mais fácil e gostosa fica a vida.

Agora, se você quer dar o seu primeiro passo, ou quer continuar aprendendo, aqui vão algumas fontes interessantes:

Documentários sobre os problemas ambientais

Uma verdade inconveniente – documentário relativamente antigo, mas que continua super atual, mostra um panorama dos problemas ambientais que estamos enfrentando. Também disponível no Netflix.

Cowspiracy: O segredo da sustentabilidade – sabia que muitas pessoas têm diminuído ou eliminado o consumo de carne por que ela tem altos impactos ambientais? Neste documentário te mostra como. Também disponível no Netflix.

Food Choices – aqui mostra sobre como a sua alimentação impacta o mundo e sua saúde.

The true cost – documentário que mostra como a moda é cheia de problemas ambientais e sociais, foi essencial para minha mudança de comportamento de consumo e saúde financeira. Também disponível no Netflix.

Oceanos de Plástico – além de mostrar os problemas que o Oceano e seus habitantes estão enfrentando pela produção excessiva de plástico, também mostra soluções para o combate. Disponível SOMENTE no Netflix.

Documentários com soluções e iniciativas positivas

Amanhã: Um Novo Mundo em Marcha – soluções pelo mundo que estão ajudando comunidades a serem mais sustentáveis.

Minimalism: A Documentaty about Important Things – nele você encontrará inspiração em pessoas que decidirem viver com menos. Também disponível no Netflix.

Real Value – mostra como o empreendedorismo tem poder social e de transformação. Disponível também no YouTube.

Sites e páginas que te ajudam na transição

Um Ano Sem Lixo – tudo começou com a tentativa de viver produzindo menos lixo, hoje ela tem um blog, canal, página e livro para te ensinar dicas fáceis e práticas.

Por Favor Menos Lixo – te mostra com mais técnica por que o nosso consumo trás problemas ambientais, te dando dicas de como ser mais sustentável.

Aline Matulja – Engenheira ambiental que fala com muito humor sobre sustentabilidade, acompanhe pelo Instagram e YouTube.

Por que Não? – Portal sobre sustentabilidade, que fala sobre comportamento e te traz projetos sustentáveis.

Livros que elucidam

Capa do livro A Vida secreta das Árvores

A Vida Secreta das Árvores

Sabe aquela comunicação doida que as árvores tem no filme Avatar? Pois existem pesquisas que mostram que o filme não era tão doido assim, e é isso que você encontrará neste livro.

Uma Vida Sem Lixo

Da autora do blog Um Ano Sem Lixo, o livro contêm explicações e dicas práticas para uma vida sem lixo.

A Mágica da Arrumação

Dicas para arrumar o seu armário, mas que no fundo te ajuda a ser muito mais consciente sobre o consumo.

Primavera Silenciosa

Um dos clássicos sobre o assunto, já na década de 60 mostra os impactos dos agrotóxicos na natureza.

Que este texto abra sua cabeça, coração e te traga informação!

Abraços

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s